logo
logo CONTACTOS | VERSIÓN ESPAÑOLA | ENGLISH VERSION | EQUIPA | MAPA DO SITE © Centro Ciência Viva de Bragança, 2019
 
Banner da zona

Destaques

SONS E LETRAS

A sessão consiste num encontro performativo entre duas linguagens artísticas, onde as palavras se fundem com a música e a música se imiscui nas sílabas de cada palavra.

É num encontro entre música, poesia e prosa em que abordamos autores e poetas e celebramos o poder e a beleza das suas palavras. Propomos, assim, uma viagem poético-musical à obra de alguns autores como Álvaro de Campos, Almada Negreiros, Sophia de Mello Breyner Andresen, Pedro Paixão, Mário Cesariny e Leonor Afonso.

Ficha Técnica:

Teclas, samples e efeitos sonoros: Cristiano Ramos

Voz: Leonor Afonso

Breve Biografia dos autores

Cristiano Ramos

Reside em Bragança onde iniciou a sua actividade musical no final dos anos 90. Desde aí tem-se dividido entre formações de Rock, Jazz, e mais recentemente Fado, Bossa Nova e Samba, tocando guitarra acústica e eléctrica, baixo eléctrico e cantando

ocasionalmente. Tem também leccionado guitarra e teoria musical de forma particular.

Tem estudado música essencialmente como auto-didacta, tendo também frequentado aulas particulares e em escolas de música. Obteve alguns graus académicos tais como o 5º grau de formação musical, 1º Grau de História da Música e 2º Grau de Análise e Técnicas de Composição, Licenciatura em Produção e Tecnologias da Música, frequentando mais recentemente a Licenciatura em Música, Ramo de Jazz na Universidade de Évora.

Viveu na cidade do Porto entre 1999 e 2008 onde se licenciou e trabalhou como técnico de som.

Faz igualmente parte do projectos Critical Duo, Divergence Rock Band, Momento Sabbath - Vozes pela Paz (concertos meditativos), e Nota Azul.

Leonor Afonso

Natural e residente em Bragança. É licenciada em Ciências da Comunicação pela Universidade da Beira Interior; bacharel em Teatro- Interpretação, pela Escola Superior de Música e Artes do Espectáculo do Porto/IPP; licenciada em Estudos Teatrais pela mesma instituição e pós graduada no curso de teatro, ramo Encenação/Interpretação, também pela mesma escola.

Foi professora de Estética e Teoria Teatral na Escola Superior de Música eArtes do Espectáculo (ESMAE)/Instituto Politécnico do Porto, no departamento de teatro, entre 2004 e 2006. Em 2015 e 2016, dirigiu um grupo de Teatro-Fórum, com os reclusos, no Estabelecimento Prisional de Izeda. Atualmente leciona no departamento de Expressão Dramática e Teatro na Escola Superior de Educação/Instituto Politécnico de Bragança e é professora de teatro na APADI- Associação de Pais e Amigos do Diminuído Intelectual de Bragança.

Encenou o espetáculo “Imagine-se”, a partir da obra “Será Deus o Dr. Freud?” de Yvette Centeno, “(In)Humanos” a partir de textos de Álvaro de Campos, Almada Negreiros e Peter Handke; escreveu e dirigiu os espetáculos “Rosa para Eles e Azul para Elas” "Nada" e “O Amor é para os Fortes”. Encenou, ainda, o musical “Dreamland”, a partir da obra “Miss Saigon” de Claude-Michel Schonberg e “(Un)Fairplay” , a partir de “West Side Story” de Leonard Bernstein e Stephen Sondheim, em Braga. Participou como atriz em espetáculos dirigidos por Fernando Moreira, Cláudia Marisa Oliveira, Julio Castronuovo, Jen Heyes, João Paulo Costa, Marcelo LaFontana, Alan Richardson, Harvey Grossmann, Nikolaus Holz, Marco Ferreira, Carlos J. Pessoa, entre outros.

Entrada: donativo consciente.

Notícia criada em 29-11-2019 15:20 | Imprimir Notícia